NOTÍCIAS

NOTÍCIA

terça, 23 de agosto de 2016
Planos de ação para revitalização de distritos industriais mineiros serão entregues nos próximos meses pelo Governo de Minas Gerais

Codemig irá investir, até o fim do ano, cerca de R$ 30 milhões no programa, com o objetivo de fomentar o desenvolvimento industrial em Minas Gerais

Iniciativa do Governo do Estado de Minas Gerais, por meio da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), o Programa de Revitalização e Modernização de Distritos Industriais já se encontra na fase de desenvolvimento dos planos de ação. Inédito e estratégico, o projeto foi lançado em 2015, em parceria com a Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-MG). O presidente da Codemig, Marco Antônio Castello Branco, e o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), Olavo Machado Junior, estiveram juntos no último dia 9, em reunião de acompanhamento do programa, que tem o objetivo de fomentar o desenvolvimento industrial em Minas Gerais, tornando o Estado cada vez mais atrativo e dotado de melhores condições de competitividade para a indústria.

Após estudo detalhado das demandas e potencialidades dos 53 distritos industriais da Codemig, 13 deles foram selecionados como prioritários para receber as ações do programa: Belo Horizonte – Distrito do Jatobá, Betim, Contagem, Divinópolis, Governador Valadares, Ipatinga, Ituiutaba, Juiz de Fora, Montes Claros, Pouso Alegre, Sete Lagoas, Uberaba e Uberlândia. Na atual etapa, representantes da Codemig e da Fiemg estão trabalhando na sensibilização dos empresários e lideranças, bem como no apoio à criação de governanças locais. Também estão sendo identificadas as necessidades de cada negócio e as demandas coletivas, para definir as ações de melhoria.

A fase atual irá culminar na elaboração e entrega de um plano de ação para cada distrito. Dos 13 distritos prioritários, Belo Horizonte, Contagem e Governador Valadares já estão com seus planos concluídos; as demais propostas serão entregues até dezembro deste ano. Cada plano será elaborado com base em 22 aspectos estratégicos, como infraestrutura, recursos humanos, inovação tecnológica, imagem e mercado. Até o fim deste ano, a Codemig deve investir cerca de R$ 30 milhões no programa.

Iniciativa em expansão

As possibilidades abertas pelo Programa de Revitalização e Modernização de Distritos Industriais (DIs) já começam a atrair a atenção de empresários em outros distritos mineiros. A partir de demanda colocada pelos próprios dirigentes, os DIs de Araxá e de Araguari foram incorporados à iniciativa e serão os próximos a receber a equipe do projeto para levantamento de dados.

O presidente da Codemig ressaltou a importância dessa demanda ativa. “A parceria das empresas desde o início do processo vai permitir que esforços em todas as fases, da coleta de dados à implantação final, sejam compartilhados. Isso dará um grande impulso ao projeto e potencializará muito os resultados”, salientou Castello Branco.

Outras informações sobre o Programa de Revitalização e Modernização de Distritos Industriais  estão disponíveis nos sites www.distritosindustriaismg.com.br, www.codemig.com.br  e www.facebook.com/distritosindustriaismg.